É possível aprender a estudar?

Com o objetivo de estimular a reflexão dos educadores sobre a importância da orientação de estudos aos estudantes do Programa EJA – Mundo do Trabalho e apresentar ferramentas que permitam a interação entre estudantes e especialistas, foi criado o curso Estudar: como se aprende?

A GTE/FCAV foi chamada para sistematizar o conteúdo da formação a distância, produzir objetos educacionais como atividades interativas e vídeos, desenvolver o ambiente virtual de aprendizagem, fazer a gestão do trabalho de modelagem, a divulgação e também o acompanhamento do curso.

Cerca de 1.500 professores do Ensino Fundamental da Educação Básica da rede estadual e municipal paulista que atuam na Educação de Jovens e Adultos (EJA) participam da formação.

O EJA – Mundo do Trabalho é um programa do Governo do Estado de São Paulo, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, em parceria com a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo e com Secretarias Municipais de Educação, que oferece educação para jovens e adultos.

Os educadores de 41 municípios paulistas conveniados e também integrantes da rede pública do Estado de São Paulo têm acesso a materiais didáticos, como os Cadernos do Estudante e do Professor, a vídeos de apoio, e também recebem orientações sobre como navegar pelo Professor On-Line. A ferramenta permite que estudantes do EJA postem questões ou dúvidas em cada uma das disciplinas e recebam orientações de estudo de um professor especialista em 24 horas.

Segundo Carla Minozzo, uma das gestoras do curso da GTE/FCAV, houve uma grande adesão dos cursistas e a participação ativa de todos desde o início da formação.

 

O curso Estudar: como se aprende? teve início em 7 de abril e terá duração de nove semanas.

 

Saiba mais sobre a parceria da GTE/FCAV e o Programa EJA – Mundo do Trabalho